Empreendedor pretende fomentar economia em Jacobina

Iniciativa foi apresentada pelo Sebrae ao prefeito e aos secretários municipais

Fotos: Junior Publish

Por Tamara Leal

Com foco na promoção do desenvolvimento do empreendedorismo local e para cumprir a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, o Sebrae realizou, na manhã desta, quinta-feira, 8, uma reunião de informação e sensibilização do Programa Município Empreendedor na prefeitura de Jacobina. A analista da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae Bahia, Jacqueline Baqueiro, que coordena o Programa Município Empreendedor no estado, esteve na cidade para apresentar o projeto ao prefeito Rui Macedo e aos secretários municipais.

Ela explica que o programa prevê uma série de ações para fortalecer o empreendedorismo, incentivar a inovação e um ambiente mais favorável para os pequenos negócios. “Apresentamos cinco razões pelas quais o município deve aderir ao programa. Entre elas, o aumento do número de microempreendedores individuais (MEI), da arrecadação da cidade, a geração de emprego e o fortalecimento do ambiente de negócios”, disse.

Para o prefeito Rui Macedo, que assinalou a intenção do município em aderir ao programa, este é um importante passo para um maior desenvolvimento do município. “Realizamos, de forma isolada, inúmeras ações de fomento ao desenvolvimento econômico e social de Jacobina. O programa irá potencializar ainda mais as nossas ações, quando traz para dentro dos projetos municipais a expertise do Sebrae e seus parceiros”, ressalta.

O gerente Regional do Sebrae em Jacobina, Geronilson Ferreira, acredita que com a implementação do Programa Município Empreendedor, as ações da instituição e da prefeitura irão de fato se convergir. “A integração de entidades, conforme a competência de cada uma, será o fator primordial para a alavancagem do projeto e consequentemente o desenvolvimento econômico de Jacobina, consolidando o eixo relacionado a políticas públicas”.

O próximo encontro para tratar do programa acontecerá no dia 22 de outubro. Ao final da reunião de trabalho, que terá a participação de outras entidades, será marcada a data para a assinatura do Protocolo de Intenção do Programa Município Empreendedor.

Com a implantação do programa, o município passa a integrar uma rede estadual de empreendedores, com o aumento da arrecadação, da visibilidade das ações da prefeitura a partir da geração de mídia espontânea e matérias em publicações especializadas, apoio à inovação e tecnologia, fortalecimento do ambiente de pequenos negócios e das ações locais já existentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *