Jacobina goleia o Colo-Colo em dia de festa no José Rocha

 Fotos: Robson Guedes e João Batista Ferreira 

O Colo-Colo teve um jogador expulso no inicio do segundo tempo

Na tarde deste domingo (28), em jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Baiano, o Jacobina Esporte Clube goleou o Colo-Colo pelo placar de 4×1.  Mais uma vez, a torcida de Jegue fez a diferença, lotando as arquibancadas do estádio José Rocha – o Maracanã do Sertão – que recebeu 2.676 torcedores, para uma renda de R$ 66.560, 000.

O Jacobina abriu o marcador, no primeiro tempo, aos 21 minutos, com João Neto cobrando pênalti. Aos 31 minutos, João Neto voltou marcar, colocando por cobertura na saída do goleiro Otávio. Quatro depois minutos , o Jegue fez o 3×0  com Vitinho, numa belíssima cobrança de falta. No final do primeiro tempo, aos 40 minutos, Vando diminuiu para o Colo-Colo.

O centroavante Tony Galego desencantou e fez o seu primeiro gol pelo Jacobina

Na segunda etapa, o Jacobina voltou recuado, esperando o adversário, sendo pressionado pelo Colo-Colo, que  acabou sendo penalizado com a expulsão do lateral esquerdo David, após uma falta dura no meia Ananias. Aos 28 minutos, o ataque Tony Galego bateu forte de fora da área, surpreendendo o goleiro do Tigre, fazendo o quarto do Jegue.

Com o placar definido, o técnico Paulo Sales fez três mudanças no Jacobina, colocando Fernando em lugar de Ricardo Baiano,  substituindo João Neto por Caio, e sacando Ananias para a entrada de Jessé.

A torcida do Jegue Chapada lotou as arquibancadas do “Maracanã do Sertão”

Vencendo por 4×1, o Jegue da Chapada segurou o resultado, garantindo seis pontos na tabela, colocando o Jacobina na sétima posição na classificação geral do Baianão 2016.

Jacobina – Chitão, Diogo,Édi, Tiago Silva e Caique; Ricardo Baiano ( Fernando), Wagner Alagoano, Ananias (Jessé) e Vitinho; João Neto (Caio) e Tony Galego. Técnico: Paulo Sales.

Colo-Colo – Otávio, Iaguito (Eric), Eliézio, Valter e David; Vando, Roberto, Brito e Tiago Almeida; Vitão (Alan Gol) e Luiz André. Técnico: Gilney Anderê.

Arbitragem: Guilard Giulius Cícero Alves ( Central),  Cláudio Antonio Dias Aragão e  Érica Paula de Jesus (assistentes).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *