Representantes do Sindicato dos Comerciários de Jacobina participam de seminário em São Paulo

As sindicalistas Onília Lopes e Maria José Ferreira (Zélia), representantes do Sindicato dos Comerciários de Jacobina,  estão em São Paulo participando  do seminário “Trabalhadores e Trabalhadoras em Tempos de Crise: Construindo Alternativas”. O encontro está sendo promovido pela a  União Geral dos Trabalhadores (UGT), com o Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho (Cesit) da Universidade de Campinas. O evento, que começou nesta segunda-feira e segue até nesta terça-feira (26),  faz parte das comemorações do Dia do Trabalho, celebrado em 1º de maio.

O presidente da UGT, Ricardo Patah, disse à Agência Sindical que o objetivo é reunir cerca de mil dirigentes ugetistas de todo o País, visando aprofundar a análise da crise que o Brasil vem passando e definir como defender os interesses do trabalhador nessa conjuntura.

“O formato valoriza o debate e a reflexão sobre questões que são prioritárias para a classe trabalhadora, buscando formular soluções que tenham o trabalhador como protagonista”, diz.

Patah explica que, ao focar na crise social, política e econômica, a Central pretende propor soluções que valorizem o trabalho, a defesa do emprego e a renda. “Até agora, quem pagou a conta do ajuste fiscal foi o trabalhador, com a perda do emprego, o arrocho salarial e o ataque a direitos. É urgente inverter essa lógica”, pontua.

Segundo o secretário de Organização e Políticas Sindicas da UGT, Francisco Pereira (Chiquinho), há três anos a Central tem buscado uma forma diferente de comemorar o 1º de Maio, fazendo seminários e debates. “O objetivo é avançar na definição de como organizar mais e melhor as nossas lutas, para melhorar a qualidade de vida do trabalhador”, ressalta.

Centenário do samba – As festividades relativas ao 1º de Maio da UGT incluem a exposição fotográfica “Os Trabalhadores e os 100 Anos do Samba”, que ficará em cartaz na avenida Paulista, um dos principais cartões postais da cidade de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *