Choque de moto com animal mata vaqueiro Zé Preto entre Várzea Nova e Morro do Chapéu

Na noite desta sexta-feira (28.12), um acidente matou o vaqueiro José Bacelar, 59 anos, conhecido como Zé Preto. Ele trafegava pela BA-144, que liga Várzea Nova a Morro Chapéu, quando acabou chocando a sua motocicleta contra um animal que estava na pista.  Zé Preto morreu no local.

Muito querido na região, o vaqueiro Zé Preto estava seguindo em direção ao distrito de Icó, mas, lamentavelmente, uma égua parida, que estava pista, acabou provocando o acidente que ceifou a sua vida, deixando em luto familiares e amigos. Já o animal sofreu apenas ferimentos leves.

Amigos, que vinham logo atrás, ainda tentaram socorrer socorre-lo, porém, ele não resistiu, vindo a óbito no local.

A polícia foi acionada para fazer a ocorrência e tentar identificar o proprietário do animal.

Vale ressaltar que os proprietário de animais respondem civil e criminalmente pelos danos que estes causarem a terceiros.A lei é clara: o dono ou detentor do bicho ressarcirá material e moralmente as vítimas pelos danos causados. Os parâmetros para fixar a indenização por danos materiais estão no Código Civil. Os danos morais são arbitrados pelo juiz. Se o animal causar a morte de alguém, o dono deverá pagar os gastos médico-hospitalares e funeral. Assim como fica obrigado a pagar pensão alimentícia aos dependentes da vítima

O corpo de Zé Preto foi recolhido para o IML de Irecê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *