Home / jacobina / destaque / Jacobina é destaque no Índice de Governança Municipal avaliado pelo Conselho Federal de Administração

Jacobina é destaque no Índice de Governança Municipal avaliado pelo Conselho Federal de Administração

Powered by Rock Convert

O município de Jacobina é um dos destaques no último Índice Governança Municipal divulgado pelo Conselho Federal de Administração. No estado da Bahia, entre os municípios com população de 50 a 100 mil habitantes, Jacobina é  a quinta colocada, ficando na 32º lugar dentre as 175 cidades brasileiras que compõem o grupo de até 100 mil habitantes. O município de Jacobina recebeu a nota 7,04.  A cidade com melhor desempenho nesse grupo foi Artur Nogueira, em São Paulo, com nota 8,43.

Com uma população de 83.435 habitantes, Jacobina apresenta um PIB per capta de R$15.208,08, numa área territorial de 2.358,69Km²

A elaboração do IGM-CFA foi realizada tendo como base as dimensões fiscais, de gestão e de desempenho de um município. Dentro deste tripé, são analisados diferentes indicadores que influenciam no ranqueamento nacional de cada cidade avaliada. O ranking ajuda a identificar quais os municípios desenvolvem uma boa ou má gestão.

“O ranking é uma base de análise. O Índice pode servir como um diagnóstico para as prefeituras, por meio dos seus gestores, discutirem ações que venham a desenvolver mudanças dentro da instituição pública. Esses dados são instrumentos de trabalho e devem ser avaliados também por profissionais de Administração que atuem dentro de uma prefeitura”, afirmou Mauro Kreuz, presidente do CFA.

O Índice CFA de Governança Municipal – IGM-CFA foi lançado em novembro de 2016 pelo Conselho Federal de Administração, que contou com auxílio técnico do Instituto Publix para o Desenvolvimento da Gestão Pública. Em 2017, os dados foram atualizados.

Durante os anos de 2017 e 2018, o CFA promoveu várias apresentações do IGM em todo o país, em audiências públicas, eventos voltados para a gestão pública, e apresentações para segmentos específicos organizados pelos Conselhos Regionais de Administração (CRAs).

Nestes encontros, foram identificadas oportunidades de melhoria do índice e, em 2018, foi construída uma nova metodologia, destacando-se dois pontos principais: a) agrupamento de municípios semelhantes e, b) definição de metas a serem atingidas pelos municípios, aprimorando-se, assim, a metodologia anterior ao permitir uma comparação mais justa e efetiva entre os municípios.

O IGM-CFA consiste em uma métrica da governança pública nos municípios brasileiros a partir de três dimensões: Finanças, Gestão e Desempenho.

Foi elaborado a partir de dados secundários, e considera áreas como saúde, educação, gestão fiscal, habitação, recursos humanos, transparência, violência dentre outras.

A partir da construção de extenso banco de dados municipais, que foram extraídos de bases públicas como STN, IBGE, PNUD e DATASUS, realizou-se priorização de indicadores e variáveis e, em seguida, por meio de tratamento estatístico, foi possível gerar um resultado para cada dimensão e para o Índice. Assim como boa parte de suas fontes, o IGM será atualizado anualmente.

Nesse sentido, o Índice CFA de Governança Municipal se destaca e se diferencia de todos os demais índices já utilizados no contexto brasileiro para mensuração da performance municipal uma vez que contempla uma visão mais ampliada sobre as dimensões da governança pública, e em especial, sobre a relação entre a dimensões fiscal, gestão e desempenho, atrelada a um inovador conjunto de metas a serem atingidos pelo município que serão detalhados na metodologia adotada para o cálculo do índice.

Prefeito Luciano Pinheiro comemora resultado de pesquisa

Em entrevista à imprensa local, o prefeito Luciano Pinheiro comemorou o resultados do IGM-CFA.  “Esses números divulgados por órgãos independentes, a exemplo do Conselho Federal de Administração, provam que estamos no caminho certo, que estamos gerindo o município de Jacobina com responsabilidade, eficiência e transparência. Contra fatos, não há argumentos. Os números mostram na prática os avanços da gestão, que hoje pode ser orgulhar de ser o primeiro município da Bahia a pagar os salários dos seus servidores. Pagamos sempre com antecedência, isso é fato. Portanto, agora é seguir em frente, melhorando cada vez mais as finanças da Prefeitura, para garantir mais investimentos em saúde, educação, infraestrutura e tantas outras áreas carentes do nosso município”, declarou o prefeito.  

Sobre admin

Veja também.

Alunos do IFBA visitam o Centro de Proteção Animal de Jacobina

Powered by Rock Convert Na tarde da última quarta-feira (09), o Centro de Proteção Animal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: