Câmara de Jacobina devolve mais de R$ 700 mil ao Executivo

Segundo o Presidente da Casa, Vereador Juliano Cruz, devolução é a maior da história de Jacobina. Valor foi economizado em 2019

Jacobina – A Câmara de Vereadores de Jacobina devolveu aos cofres da Prefeitura R$ 700.246,80 referente ao remanescente de duodécimos de 2019. A quantia devolvida aos cofres públicos é resultado da economia e corte de gastos impostos pela presidência da Casa.

A Câmara tem autonomia para gastar 100% do duodécimo, caso julgue necessário. No entanto, o presidente Juliano Cruz optou por poupar gastos e devolver o dinheiro à Prefeitura para que a população seja beneficiada. Os duodécimos são frações proporcionais e constantes repassadas mensalmente ao Legislativo pelo Executivo, para custeios, pagamentos de salários, investimentos, dentre outros.

De acordo com Juliano Cruz, essa é a maior devolução da história em toda a região, sendo, também, a maior realizada por uma Câmara de Vereadores, do porte da local, na Bahia.

“A devolução é resultado do nosso compromisso, austeridade, eficiência e trato com o dinheiro público. Conseguimos economizar uma relevante quantia e ainda realizamos grandes ações como a compra de veículos, aquisição de novos equipamentos de informática e a reforma do Legislativo”, afirmou o presidente da Casa.

Juliano ressaltou que essa devolução foi planejada em janeiro de 2019 e que pretende repetir o feito. “Planejamos as nossas ações e ao logo do ano economizamos o máximo possível. O dinheiro do contribuinte tem que ser tratado com zelo e responsabilidade e manteremos a mesma postura em 2020”, finalizou.

O montante devolvido é suficiente para comprar mais de 20 carros populares, cerca de 13 casas populares no valor estimado de R$ 55 mil  cada e é, ainda, superior a 700 salários mínimos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *