Em primeira votação, Câmara de Vereadores de Jacobina aprova contas de Rui Macedo

Mais novo aliado de Macedo, vereador Tiago Dias vota pela rejeição

As contas do ex-prefeito de Jacobina, Rui Macedo, relativas ao exercício 2016, que tiveram recomendação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) pela aprovação, foram aprovadas, em primeira votação, por sete votos contra seis. Outro três edis se abstiveram e o vereador Aloísio Queiroz não estava presente.

Durante a sessão, o presidente da Casa, vereador Juliano Cruz, apresentou parecer da Comissão de Finanças, Orçamentos e Contas, que tem como membros os vereadores Pedro Mário, Dibas Jatobá e Martins dos Santos.

Segundo os vereadores Pedro Mário e Dibas Jatobá, após o primeiro parecer do TCM pela reprovação das contas do Exercício 2016, o prefeito Rui Macedo apresentou defesa com a juntada de novos documentos, o que fez o tribunal mudar de entendimento e indicar pela aprovação. A comissão seguiu o entendimento do tribunal. Exceto o vereador Martins que votou, em separado, e contrário ao que o órgão técnico indicou.

Aberta a votação, se posicionaram pela aprovação das contas, seguindo entendimento do TCM, os vereadores Cecílio Mota Junior, Clodoaldo Moreira, Divas Jatobá, Pedro Mário, Luzinete Lucena, Juliano Cruz e Zé do Povo. Contrários ao parecer do TCM: Tiago Dias, Martins dos Santos, Rone do Junco, Roni de Itaitú, Jane Marcia e Junior de Todos. As abstenções foram dos edis Batista do Junco, Noelson Oliveira e Eduardo Ribeiro.

Aprovadas, em primeira votação, o que mais chamou a atenção do público que acompanhava a sessão, imprensa local e edis, foi o voto do vereador e pré-candidato a prefeito, Tiago Dias, contrário ao seu mais novo aliado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *