Aeroporto de Jacobina poderá sofrer interdição da ANAC

Segundo informações levantadas pelo blog Jacobina 24 Horas junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC),  o Aeroporto (aeródromo) de Jacobina corre sérios riscos de sofrer uma interdição nos próximos dias. 

Segundo despacho divulgado pela ANAC,  “considerando que não houve sucesso no processo de vigilância recente para obter as informações sobre a infraestrutura e operações do aeródromo em referência, fica aberto o presente processo para vigilância remota, solicitando que se realize diligência para verificação de atendimentos dos requisitos aplicáveis para o aeródromo”, diz um trecho do documento. 

No ofício encaminhado a  Dênisson de Oliveira,  Gestor do Aeródromo Público de Jacobina,  datado de 09/03/2021,  a ANAC  “solicita resposta, em até 30 dias a partir do recebimento deste, remetendo informações digitalizadas pelo peticionamento eletrônico do sistema SEI-ANAC, como determina a Resolução ANAC nº 520/2019”. 

De acordo com um técnico ouvido pela reportagem,  foi aberta uma intimação por “Decurso do Prazo Tácito”, e caso as informações solicitadas pela ANAC não sejam apresentadas em tempo hábil, o  Aeroporto de Jacobina poderá sofrer sérias sanções,  inclusive correndo o risco de passar por um processo de  interdição. 

Veja abaixo a íntegra do relatório da ANAC: 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *