JacobinaSegurança

Polícia Federal realiza Operação Piemonte na região de Jacobina

Nesta terça-feira, 18 de junho, a Polícia Federal em conjunto com a Controladoria Geral da União na Bahia deflagrou a Operação Piemonte, uma ação enérgica contra um grupo criminoso especializado em diversos delitos financeiros e corrupção. A operação visa combater atividades ilícitas que incluem desvio de verba pública, fraude em licitações, lavagem de dinheiro e sonegação de impostos.

De acordo com informações divulgadas pela Polícia Federal, por meio do Portal Spy, foram executados 24 mandados de busca e apreensão nas cidades de Juazeiro/BA, Ourolândia/BA, Capim Grosso/BA, Várzea Nova/BA e Filadélfia/BA. Estes mandados foram emitidos pela 2ª Vara Federal da Seção Judiciária da Bahia, especializada em crimes de Organização Criminosa e Lavagem de Capitais. Além das buscas, houve também o sequestro de bens, bloqueio de contas bancárias e o afastamento de servidores públicos envolvidos nas atividades criminosas.

O esquema ilegal, que contava com a participação de ex-gestores, vereadores, funcionários públicos, empresários, políticos e particulares das cidades de Jacobina, Capim Grosso, Filadélfia, Várzea Nova e Ourolândia, movimentou ilegalmente mais de R$ 51 milhões em um período recente, conforme revelaram as investigações.

Os investigados enfrentarão acusações severas, incluindo associação criminosa, fraude à licitação, desvio de recursos públicos, sonegação fiscal e lavagem de dinheiro. As penas para esses crimes podem alcançar até 34 anos de reclusão, demonstrando a gravidade e a complexidade das atividades ilícitas desmanteladas pela Operação Piemonte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *