Prefeito fala sobre o resultado do IGM-CFA do município de Jacobina

Nesta terça-feira (02.07), o gestor do município conversou sobre diversos como saúde, assistência social, infraestrutura, educação e também, geração de emprego e renda. Luciano falou sobre os desafios enfrentados nestes dois anos e meio, colocando como premissa o princípio da economicidade, além de discorrer sobre o que ele chama de “fake news” as ilações de um déficit de 20 milhões nas contas relativas ao exercício de 2017.

Como o senhor recebeu a notícia desta avaliação do CFA?

Prefeito Luciano Pinheiro – A sensação de alegria, de que estamos tratando a coisa pública com lisura e transparência, pra que se tenha uma noção, nossos processos de licitação procuramos dar conhecimento ao ministério público, as ações que temos desemprenhado procuramos levar representantes de diversos órgão como MP, por meio dos promotores, o Presidente do CREA, outros gestores municipais, entendo que , não somos donos da razão e é sempre interessante contar com pessoas que conhecem tecnicamente, aqueles que nos orientam sobre os princípios da legalidade, e não escondo que priorizo também a questão da economia, redução de custos e custeio, desde que não percamos na qualidade da prestação do serviço”.

O que você diria que tem norteado a sua gestão pra chegar em resultados positivos?

Creio que é preciso gostar do que se faz, e acima de tudo querer fazer bem. Posso dar exemplos claros disso, basta avaliar quanto era gasto com a gestão do Hospital Antônio Teixeira Sobrinho, e quanto é gasto hoje, gastamos menos e temos um atendimento muito melhor, reformamos totalmente a parte interna da unidade, nosso centro cirúrgico é de execelência, montamos 03 semi-utis, hoje o jacobinense nasce em Jacobina, temos uma média de 19 cirurgias por dia, atendemos a mais de 20 municípios, temos a melhor UPA da Bahia, temos a melhor saúde? Ainda não, mas em breve com o hospital regional teremos condição de investir em alta complexidade. Quantos Serviços de Convivência tinha no município até assumirmos a Prefeitura? Nenhum, hoje temos 17, isso representa estar perto e melhorar a qualidade de vida de quem mais precisa, 400 jovens que proporcionamos cursos em parceria co SENAI, 162 menores no Aprendiz Legal, cobertura de 113% no Bolsa Família, é um programa federal que a prefeitura tem que ir atrás e suprir a carência das pessoas com um benefício que eles têm direito e estas pessoas vão gastar este benefício onde? No comércio local. Somos a 6o município da Bahia na geração de emprego e renda com carteira assinada, estamos na posição de número 32 em qualidade da gestão de saúde, dos municípios com até 100 mil habitantes no Brasil, em apenas 30 meses saímos de 9 para 12 mil alunos, com transporte escolar convencional, transporte escolar adaptado, 30% da merenda vem da agricultura familiar, e mais temos hoje a maior frota da história do município, toda ela com recursos próprios, hoje pagamos menos pela coleta de lixo e temos uma qualidade melhor do serviço, temos muito a avançar, eu sei disso, mas vamos seguir trabalhando firme.

As pessoas hoje têm muito acesso à informação, o município já tem enxergado estes avanços ?

Entendo que sim, temos uma forma diferente de gerir o município, do Junco à Caatinga do Moura temos ações concretas, e continuamos tocando obras, tem muita coisa boa pra acontecer, infelizmente ainda temos que lidar com informações falsas, as fake news, tivemos as contas de 2017 aprovadas, aí inventam um déficit que não existe, e se este déficit é de 2017, porque estas pessoas não me denunciam ao Ministério Público por este déficit? Vamos seguir trabalhando, eu
vivo o dia a dia de Jacobina, eu atendo as pessoas no balcão da Prefeitura, sem dia e sem hora marcada, procuro ir aos bairros, distritos e povoados, procuro entender a dor do outro, só é possível gerir coisas e pessoas, se colocando no lugar das pessoas e melhorando as condições pra que as mesmas tenham melhor qualidade de vida. Temos nos dedicado muito ao município.

O que você colocaria como diferencial da sua gestão até aqui ?

Dedicação e responsabilidade, se não tiver estes dois sentimentos não adianta, e olha que viemos de momentos difíceis de dezembro pra cá. Foi chuva, atrás de chuva, estado de emergência, não contamos com nenhum recurso pra retomar a normalidade da cidade. Em breve faremos uma força tarefa pra eliminar os estragos que temos tido na pavimentação. Iremos recuperar totalmente a Avenida Paulo Souto, teremos um novo projeto de iluminação para a cidade que dará nova vida a cidade, vamos ampliar e entregar o novo calçadão, teremos obras no Junco, Paraiso, Caatinga do Moura, Lages do Batata, Jenipapo, Itaitu, enfim em todo município, como tem sido desde 2017, e vamos nos consolidar de vez como Polo de Saúde e Polo de Educação, teremos em breve a reabertura do Regional e já estamos buscando um campus universitário federal para Jacobina.

E com relação à investimentos da iniciativa privada para Jacobina?

Temos empresas de médio e grande porte que nenhuma cidade da nossa região tem como, Yamana, TEN e FreeWay, a arrecadação de ICMS traduz a força do nosso comércio, há sim um interesse do Grupo Pão de Açúcar em implantar a Rede Assai, preciso colocar isso aqui, pois tem acontecido algumas indagações neste sentido. A Le Biscuit tem um plano de expansão no modelo de franquias e já avaliou Jacobina também, universidade particulares que desejam investir aqui, além de outros segmentos e redes menores, mas que irão gerar emprego e renda. Jacobina tem crescido muito, em um novo modelo de negócio, mas que todos nós já estamos adequados, a venda On line, muitas pessoas estão vendendo e comprando via redes sociais, como Prefeitura estamos elaborando um plano pra que estas pessoas procurem o Balcão Empreendedor, uma parceria que temos com o Sebrae, recentemente fizemos a adesão ao Programa Cidade Empreendedora, temos execelente relação com Acija, CDL, Sindicato Patronal, e queremos muito chamar a sociedade para discutirmos desenvolvimento e empreendedorismo.

Uma palavra aos internautas e leitores do Jacobina 24 horas.

Que todos nós continuemos a sonhar, acreditar e acima de tudo nos dedicar para temos uma cidade cada vez melhor, melhor na educação, na saúde, na assistência social, na geração de emprego e renda, permitindo que cada Jacobinense se orgulhe do nosso município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *